Propósito e benefícios

A etiqueta energética europeia para produtos relacionados com a energia apoia os consumidores na pesquisa e seleção de produtos energeticamente mais eficientes há mais de 25 anos. A etiqueta impulsionou o desenvolvimento de produtos eficientes e inovadores, reduzindo drasticamente o consumo de energia e o custo dos equipamentos.

A escala da etiqueta utilizada atualmente, de A+++ a G, tornou-se menos eficaz. O facto das etiquetas envolverem muitos „+“ torna mais difícil a diferenciação entre as classes de produtos, para além de que a grande maioria dos produtos no mercado se situa já nas classes superiores da escala, A, A+, A++ ou A+++, dificultando a distinção entre os produtos mais eficientes.

Atendendo a este facto, a União Europeia decidiu rever esta ferramenta de apoio ao consumidor. Redimensionou e otimizou a etiqueta energética de acordo com as necessidades dos consumidores regressando à escala de A a G. A nova etiqueta será introduzida nas lojas físicas e online a partir de 1 de março de 2021, inicialmente para cinco grupos de produtos e para produtos de iluminação a partir de 1 de setembro de 2021.

Os demais grupos de produtos atualmente abrangidas pela regulamentação de etiquetagem energética adotarão esta nova etiqueta progressivamente.